Este livro é fantástico! Todos os cantores de ópera o deveriam ler. É curto de facto, mas cheio de conselhos e com a perspectiva de dois grande performers. Tão inspirador!

Trata de parâmetros de técnica como o Controlo da Respiração, a Posição da Língua, a Emissão e o Ataque e a Dicção, entre outros.

Ambos, Enrico Caruso e Luisa Tetrazzini, são bem objectivos e é possível aprender imenso em poucas páginas.

Vou citar os dois, uma vez que considero estas duas afirmações bem fortes:

“Podes treinar a voz, podes pegar numa matéria-prima e torná-la uma produção finalizada; mas não consegues o mesmo com o coração.” – L. Tetrazzini

“Artistas que não o (nervosismo) vivência são os que não possuem verdadeira genialidade. Existem de facto dois tipos de medo – o que surge da percepção da importância do que vai ser feito, e o que vem de uma falta de confiança no seu próprio poder. Se o artista não tem consciência da sua própria performance, nunca fica nervoso, mas, sim, cheio de garantias.” – E. Caruso

por Marina Pacheco

[Fotografia: capa dao livro]